top of page

Fenam volta a cobrar celeridade na aprovação do salário mínimo nacional para médicos e dentistas

A presidente do Sindimed, Dra. Rita Virgínia, voltou a Brasília no dia 20.06.24, como representante da diretoria da Fenam (Federação Nacional dos Médicos), para participar de reunião conjunta das comissões de Finanças e Tributação e de Saúde, quando foi discutida, mais uma vez, a questão salário mínimo nacional para médicos e dentistas, que deveria estar fixado em R$ 10.991,19, para jornada de 20h semanais.


Na oportunidade, a Dra. Rita reiterou a importância da votação dessa matéria pelo Legislativo, cobrando dos deputados e senadores maior engajamento para aprovação definitiva do PL 1365/2022, em tramitação, de autoria da senadora Daniella Ribeiro (PSD-PB), que “modifica o salário mínimo dos médicos e cirurgiões dentistas, previsto na Lei nº 3.999, de 15 de dezembro de 1961, e majora os valores da hora extra e do adicional noturno dos referidos profissionais”.


A manifestação de Dra. Rita reforçou o que ela já havia dito em audiência pública no Senado Federal, no dia 12.03.24, defendendo a atualização do piso salarial mínimo dos médicos e dentistas brasileiros, previsto em Lei, promulgada há 63 anos, mas que até hoje não saiu do papel.





77 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page